Um poderoso senso de imaginação: a “Harmonia dos Mundos”, de Johannes Kepler

“Quando a experiência parece ensinar algo diferente daquilo que nós cuidadosamente demos atenção, isto é, que os planetas se desviam de uma área simplesmente circular, isto dá origem a um poderoso senso de imaginação, que pela sua grandeza leva o homem a procurar pelas causas”.

[…]

Da série “rir é o melhor remédio”

Say hello to Joel! Para lembrar o quadro do programa Pânico. Mas enquanto isso Gilmar traça as balizas intelectuais do Golpe – que não se consumará. Essa “inovação” de “crime sem crime”, logo impeachment, me fez lembrar dessa passagem de Georges Bataille sobre Hegel, sobre o erro que se condensa todo numa palavra. Querem impor Leia mais sobreDa série “rir é o melhor remédio”[…]

A beleza em meio ao mundo em frangalhos

Mais dois poemas para relaxar, dois sonetos, para não dizerem que também não sou clássico. Soneto I Ela com os olhos da imortalidade procurou-me certa noite enluarada dizendo que a paixão a procurava, paixão de leito e calma. E de saudade. Os tempos se foram, consumiram-se as idades da Terra ainda agora enlutada. Onde a Leia mais sobreA beleza em meio ao mundo em frangalhos[…]

Uma pausa para o riso

rárárárárárárárárárárá Atualizado em 08/08/2016 Já está ficando difícil de parar de rir. Certo é que às vezes dá muita vontade de chorar, como Temer , olhos marejados, na abertura das Olimpíadas. A gente fica pensando: “pô, esse cara deve ser um nacionalista. Poeta também, homem de sensibilidade. Nenhum tipo assim ia resistir à apresentação de Leia mais sobreUma pausa para o riso[…]

Sobre a guerra que se aproxima

Com certeza, no ocidente, Lyndon LaRouche é o líder com maior consciência dos perigos que ameaçam nossa civilização atualmente. No seu tradicional webcast de sexta-feira, em 6 de maio, disse com propriedade, como nenhum outro por estas bandas de cá é capaz de fazer: “Nós não estamos à beira da terceira guerra mundial. Nós estamos Leia mais sobreSobre a guerra que se aproxima[…]