A literatura como arquivo da ditadura brasileira

Da Revista Brasileira de Literatura Comparada (trechos com breves modificações para exposição em blog)

“Ler o livro da professora Eurídice hoje, tendo em vista as etapas de seu processo de produção, nos força a remontar toda essa complicada etapa que vai da concretização de um avanço democrático em 2014 até a consolidação do governo protomilitar, miliciano-judiciário, em curso”.

Continue lendo “A literatura como arquivo da ditadura brasileira”