CIA, Manuela e Araraquara

Com a confirmação de Manuela D’Ávila da invasão de seu celular em 12 de maio, a narrativa da “quadrilha” presa pela Polícia Federal parece achar sua prova de verdade. Porém, com ele não encontramos o fio da narrativa: entramos no mundo de fumo e espelhos, o mundo das agências de espionagem e de seus funcionários, ocultos ou não.

[…]